Treinamentos de Gestão no Varejo

com os melhores profissionais do mercado

(11) 3814.1362   -   São Paulo / SP

cienciadovarejo@cienciadovarejo.com.br

Copyright © 2015 CIÊNCIA DO VAREJO  |  Diretos reservados

Please reload

Últimos posts

Carrefour Bio – novo conceito para ser o numero 1 do Bio na Europa

 

A bandeira Bio do Carrefour foi lançada em 2013, e conta com mais de 20 lojas na França e 4 na Espanha, agora está com novo conceito, que já está sendo replicado a elas rapidamente. Além disso, a expansão vai ser direcionada também a outros países, como Bélgica (já com uma unidade recém inaugurada) e Itália (além de impulsionada pelas lojas próprias, o modelo de franquia vai contribuir para esta rápida expansão), com a pretensão de ser a opção numero 1 do mercado Bio (orgânico, saudável e natural, consumação mais saudável, sustentável e responsável) onde entrar. E são lojas com “cara” de supermercado.

 

As lojas possuem área de vendas de 150 a 250 m2, com até 4.000 itens (skus), 100% (exclusivamente) de produtos sem glúten, naturais e orgânicos certificados, também sazonais, com favorecimento aos fornecedores locais, que devem estar engajados com a agricultura sustentável, e transparência nas informações de origem dos produtos. Vários painéis criam a ambientação e a evidência física desta proposta.

 

A seção de hortifrúti está mais valorizada, posicionada na entrada da loja, com mais de centena de produtos a granel (apenas 2% são embalados, e o baixo numero se deve também a necessidade de operar apenas com embalagens recicláveis), e produtos refrigerados. Uma grande variedade (quase 200 itens) também de produtos de mercearia seca a granel (os clientes podem levar sua própria embalagem – o que dá direito a um desconto de até 10% no preço do produto – ou comprar o vasilhame).

As lojas contam com seções, além de hortifrúti e mercearia, leite e seus derivados, incluindo queijos, produtos frescos, bebidas, pães, lanches, carnes e charcutaria, até alimento para animais de estimação.

 

A proposta é ter uma política de preços baixos nestes produtos, tornando-os acessíveis para todos. A compra média dos consumidores é estimada em 25 euros.

 

Vamos torcer que da Europa não demore para chegar por aqui. Conceitos focados assim permitem o desenvolvimento de alimentos mais saudáveis, produção e fornecedores, uma forte tendência já sentida no Brasil, o que garante também uma boa aceitação. Mas, para isso, quem tem a expertise tem de dar o primeiro passo...

 

Veja o vídeo do modelo:

 www.cienciadovarejo.com.br Treinamentos de Gestão no varejo & consultoria

 ALAIN WINANDY

Direitos reservados

 

Please reload